quarta-feira, 14 de setembro de 2011



COLUNA

ECNP

O ressurgimento do Nova Petrópolis no cenário esportivo estadual teve dois capítulos que estão se encerrando. No Estadual de Amadores e no Estadual Juvenil a equipe não conseguiu a classificação, algo que já era imaginado antes do início das competições. Contudo, despertaram na torcida do Nova Petrópolis aquelas antigas lembranças. O Azalobão recebeu um bom público nos jogos e se a estrutura for mantida, muito mais gente continuará a se “ligar” no clube. Resta dar continuidade.

O terceiro capítulo deste ano teve início nesta quarta-feira, com o time sub-19 recebendo o Novo Hamburgo pela Copa FGF. Sigo parabenizando a diretoria do clube por tudo que procurou fazer este ano. Se houve erros, houve. Mas somente erra quem esta tentando, ao contrário de que fica só esperando.

Municipal de Futebol

A bola vai rolar neste domingo pela Municipal. Três jogos movimentam seis equipes. O Pinhalense “descansa”. A única equipe que não terá sua casa a disposição para a estréia é o Unidos. O time do Tirol recebe em Linha Temerária o Linha Brasil. Já o Linha Olinda, que tem um time forte, recebe o atualcampeão Fortaleza. E no Centro tem jogo no domingo também. No Azalobão, o Nova Petrópolis recebe o Arroio Paixão. Grande campeonato à todos.

Divisão de Acesso

A Divisão de Acesso já conta com seus primeiros classificados. Se são os melhores, só o tempo dirá. Pediram alguns palpites da minha parte para ver se eu entendia alguma coisa. Bom em se tratando de Divisão de Acesso cada chute é um tiro na lua, pois nem sempre aquilo que parece, realmente é. Porém, não vou fugir a luta. Pra mim os times que apresentaram o melhor futsal e capacidade de chegar a algum lugar são Ivanel, Chivas e TNT/Kmisa9.

Aberto de Presidente Lucena

Na noite de terça feira duas equipes de Nova Petrópolis estrearam no Aberto de Presidente Lucena (devo desculpas, pois na semana passada esqueci da Pro Pé). A Pro Pé, com reforço de alguns atletas do Esquema, venceu o Guth, de Farroupilha, por 5 a 1. Já o Pouca Bola pegou o atual campeão, Allia, e não conseguiu ser páreo. Tomou 8 a 3.

O Pouca Bola e a Pro Pé voltam a quadra dia 23.

Betinho

Na minha concepção existem pessoas boas, pessoas muito boas e pessoas sensacionais, quer seja por aquilo que são ou que fazem, mas principalmente por aquilo que cativam e exalam. E Roberto Rodrigues, o Betinho, era uma das pessoas que conheci que mais cativavam. Cativava amigos e exalava alegria e bom humor. Sua partida foi algo que pegou à todos de surpresa e deixou muitos sem entender algumas coisas que acontecem ao longo da vida. Os times de futsal da Inter, do Vidros Michaelsen, Pinguins, Catega’s e Esquema, de futebol do Flamenguinho, 11 Amigos e Joaneta, entre tantos outros, que puderam conviver com esta querida pessoa, começaram a semana com uma lacuna. Uma grande lacuna, que somente o tempo poderá curar. E as boas lembranças desta pessoa sensacional servirão de alento para nos fazer sorrir sempre que nos lembrarmos dele.

Rápidas do Twitter:

Angolana Leila Lopes vence o Miss Universo. Priscila Machado fica em 3º e Felipe Massa em 12º. Rubens Barrichello não completou a prova. (@Feer_Lobo)

Os que falam mal do Barça são filhos dos que detonavam o Fla de Zico quando perdia um jogo e netos dos que cornetavam o Santos de Pelé. (@mauro_beting)

2 comentários:

  1. Mas....Vc tem certeza que o Fortaleza é VICE-CAMPEÃO???????

    ResponderExcluir
  2. Marcelinho Werkhausen15 de setembro de 2011 09:28

    Peço escusas pelo erro...
    Fortaleza comemora o título com a sua torcida

    A tarde de domingo foi problemática em termos de futebol. A final do Campeonato Municipal esteve com sério risco de não ocorrer devido a um atraso de quase uma hora da arbitragem. Depois foi a vez de uma forte pancada de chuva atingir a localidade de Treze Colônias. Mas superados os problemas, quando a bola rolou, o que se viu foi uma grande decisão. O Vasco, que havia vencido a primeira partida, jogava por um empate. Já o Fortaleza precisava de uma vitória por mais de dois gols de diferença para levantar o caneco. E foi isso que aconteceu. Com três gols de André Sthiel, o Fortaleza venceu por 4 a 2 e pode fechar o domingo com festa diante de sua torcida.
    A partida final começou debaixo de muita chuva. O Vasco precisava do empate, mas foi para o ataque, sendo que as duas primeiras chegadas com perigo foram protagonizadas por Valderama, que reforçava a equipe. Clóvis, porém, fez duas boas intervenções. E como quem não faz, leva, na primeira chegada do Fortaleza, o gol foi aberto. André Sthiel bateu firme, a bola desviou no defensor e enganou Fernando. O resultado levaria a decisão para a prorrogação, mas não demorou e Sthiel voltou a marcar. Jonas bateu falta com força, Fernando espalmou para frente e Sthiel, de peixinho, fez 2 a 0. Ainda na 1ª etapa, o Fortaleza tratou de ampliar. Novamente Jonas bateu falta e antes que ela chegasse ao gol, Sthiel, de peito, desviou, tirando Fernando da jogada, e fechando o placar em 3 a 0.
    No segundo tempo, o Vasco voltou melhor mais uma vez e teve a ajuda logo na sequência do artilheiro do jogo, que acabou expulso, deixando o time da casa com um jogador a menos. Com isso, o Vasco chegou ao seu gol. Após o toque de mão de Índio, dentro da área, Zico marcou, descontando. O Vasco cresceu e buscava o gol, mas em rápido contra-ataque Bico apareceu livre atrás da zaga e de chapa botou pro fundo do gol, ampliando para o Fortaleza e praticamente selando o título. Aos 42min, o Vasco, no entanto, conseguiu seu segundo gol. Zico, que estava fazendo a sua despedida, aproveitou a bola espirrada na área e descontou. Mas não havia mais tempo. Com 45min cravados, o arbitro Cristiano Costa encerrou a partida, para iniciar a festa do Fortaleza.
    Classificação final:
    Campeão: Fortaleza
    Vice-campeão: Vasco
    Disciplina: Vasco
    Artilheiro: Alessandro (Pinhalense)
    Goleiro Menos Vazado: Clóvis (Fortaleza)

    ResponderExcluir